Formas naturais para evitar suar | Saúde

Sintomas

Antes de correr e tentar encontrar uma solução por si mesmo, a consulta com um médico. A transpiração excessiva pode ser um sinal de doença ou um distúrbio, especialmente se você observar os seguintes sintomas:

-Sudorese visível, embebendo a roupa
-Palmeiras e plantas molhadas e úmidas
-Maceração da pele (suavização e desintegração da pele)
-Forte cheiro dos pés
-Pele rachada e d’armas em escamas

Remédios caseiros naturais que tratam a transpiração excessiva

Vinagre

Cura da sudorese com vinagre de cidra vinagre de maçã, já que ajudam a eliminar as toxinas do corpo. Toma uma mistura de 2 colheres de sopa de vinagre natural com uma colher de chá de vinagre de cidra de maçã três vezes ao dia com o estômago vazio, meia hora antes de uma refeição.

Suco de tomate

Suco de grama de trigo

A grama de trigo é rica em proteínas e vitamina B6, B12, C e ácido fólico. Pode neutralizar os ácidos e toxinas presentes no sangue e a alta concentração de vitamina B, e pode reduzir a produção excessiva das glândulas sudoríparas. Beber um copo de suco de grama de trigo todos os dias pode acalmar os nervos e reduzir a transpiração excessiva.

Saquinhos de chá

O ácido tânico está principalmente no chá e pode ajudar a esfriar o corpo. Suas propriedades adstringentes e antitranspirantes podem impedir o início da transpiração excessiva. Deixa que vários sacos de chá pousar em um recipiente com água fervendo. Quando a água esfriar, ensopa as mãos e os pés nesta solução durante meia hora. Você pode fazer isso diariamente.

Hamamelis

Esta erva é um adstringente natural e atua como um antitranspirante quando aplicado na pele. Seca suavemente a pele na área do corpo suado, evitando o crescimento excessivo de bactérias na pele. Desta forma, não só é a transpiração, mas também previne a infecção. Este método é particularmente eficaz para a sudorese facial. Você também pode usar o chá de hamamélis para tratar a transpiração geral.

As uvas estão cheias de antioxidantes que eliminam as toxinas e, naturalmente, resfriam o corpo a regular a temperatura interna, evitando que o corpo se sinta muito calor e suar. Bebe um copo de suco de uva ou come de 10 a 15 uvas diariamente para ajudar com a transpiração.

Óleo de árvore de chá

Árvore do chá é um adstringente natural e as finas camadas de óleo essencial pode ser aplicada a partes do corpo com excesso de transpiração. Isto é particularmente eficaz para os pés suados, que tendem a desenvolver fungos. O óleo de árvore de chá é antibacteriano e antifúngico, e pode secar a pele, prevenir o crescimento de bactérias e combater as infecções por fungos.

Óleo de coco

O óleo de coco pode eliminar as bactérias que causam o odor a suor, pois contém ácido dodecanoico. No entanto, o óleo pode manchar a roupa, assim que usa uma pequena quantidade e massaje a zona suado até que a pele tenha absorvido adequadamente. A fragrância leve também se mantém fresca por todo o dia. Você pode combinar o óleo de coco com bicarbonato de sódio para criar um desodorante natural. Combina 3 colheres de chá de óleo de coco com 3 colheres de chá de bicarbonato de sódio 2 colheres de chá de manteiga de karité, e adicione algumas gotas de óleo essencial. Aplica esta pasta a sua pele diariamente.

Dicas que ajudam a evitar o suor excessivo

Hidrátate

Beba muita água e outros líquidos durante o dia. Quando você está hidratada, o seu corpo permanece com temperatura baixa e suar menos. A água regula a temperatura do corpo, eliminando as toxinas ao urinar.

Estresse, nervosismo, ansiedade e tensão

Todos estes fatores podem causar sudorese. Certas emoções e lembranças ativadas automaticamente as glândulas sudoríparas. Praticar técnicas de biorretroalimentación e relaxamento podem ajudar a controlar algumas funções automáticas do corpo, como a pressão arterial e os batimentos cardíacos, ayudándo a relaxar e a reduzir a transpiração nervosa ou emocional.

Dieta

Alguns alimentos estimulam as glândulas sudoríparas, como o caril picante, sobremesas açúcar, as pimentas e os pimentões, e qualquer prato com altas concentrações de óleos hidrogenados. O alho e a cebola podem piorar o cheiro corporal. Os alimentos processados podem desencadear as glândulas sudoríparas, já que, muitas vezes, contêm toxinas químicas que o corpo tenta eliminar o sudarlas.

Vestuário

Os materiais e estilos que você usa podem aumentar ou reduzir a transpiração. Os materiais sintéticos retém o calor devido ao seu tecido apertado, enquanto que as fibras naturais, como o algodão, o linho, o cânhamo, seda ou lã são mais arejadas, o que permite um melhor fluxo de ar. A roupa mais adequada também permite uma melhor circulação, o que pode manter baixa a temperatura corporal.

Reduz o consumo de cafeína

A cafeína em excesso estimula o sistema nervoso central e desencadeia a liberação de adrenalina no corpo. Isso faz com que aumente a temperatura interna.

Perder o excesso de peso

A gordura corporal adicional atua como um isolante, o que aumenta a temperatura interna do corpo e, por conseguinte, aumenta a produção de suor do corpo.

Depila as axilas e a área da virilha

O suor se acumula no cabelo e promove o crescimento de bactérias, o que causa um odor fétido. Reduzir a umidade e evitar que se acumule também permite que chegue mais ar para a pele, esfria e facilita a evaporação do suor.

Para terminar, e se nenhum destes remédios naturais funciona, aqui você tem um vídeo em que uma especialista na matéria, nos conta possíveis soluções médicas:

Fonte: www.homeremedyshop.com

Imagens

Leave a Reply